Tempo de Solidão

"Tempo de solidão, tempo de exílio."

quinta-feira, julho 14, 2005

Desejo-te

Quando estou contigo, odeio todas as outras pessoas, os momentos que nos roubam, a sua presença que me importuna. Sou egoísta, sou ávido e estou só: quero estar contigo, quero aproveitar todos os pequenos momentos a teu lado, a ligeira atenção que me ofereces, o sentido amor que me revelas. És tão preciosa que eu não sou capaz de sentir outra coisa, outro impulso. Desejo-te, querida, e fico profundamente magoado quando te afastas de mim.

Sou egoísta, claro que sim.

São pessoas a mais no meu amor.

Na verdade, nem poderia ser de outra forma. Nesta vida que levamos, a única forma de um de nós não sair magoado seria se nos amássemos. Se tu viveres longe de mim, a minha dor é intensa. Se eu te revelar o meu amor, sairás magoada. Eu já conheço a solidão, já acarto com toda a mágoa na nossa amizade. Que isso continue, pois...

3 Comments:

At 3:01 da tarde, Blogger OlhoVivo said...

Ficar só quando podes encontrar alguém que te ame, é um DESPERDÍCIO DESNECESSÁRIO !!!!!

 
At 6:44 da tarde, Blogger Esfinge said...

manter uma amizade é sempre o caminho mais fácil para ñ magoar ninguém mas o mais difícil de aguentar...

 
At 8:24 da tarde, Anonymous Anónimo said...

preciso saber kem vc
entre em contato comigo
maluka79@gmail.com
meu msn
http://www.vibeflog.com/malu79

 

Enviar um comentário

<< Home